Origem da Segurança Privada

 em Segurança

Você sabe como surgiram as empresas de segurança privada no Brasil? Não? Então está na hora de descobrir! No artigo de hoje vamos te explicar como se deu esse processo de estabelecimento e ampliação das empresas de segurança privada em território nacional. Confira!

  • A origem da Segurança:

É muito difícil afirmar com certeza quando foi que a ideia de vigilância e proteção surgiu. Se considerarmos esses conceitos ao pé da letra, é possível afirmar que desde a pré-história já possuíamos essa atividade, quando os homens e mulheres vigiavam a entrada de suas cavernas para não serem surpreendidos por animais ou membros de outras tribos.

Sendo assim, é complicado definir a “origem” da segurança, contudo, é fato que a necessidade do homem de sentir-se protegido data de muitos anos atrás, e com a evolução do mundo, os riscos só aumentaram, criando a necessidade de aperfeiçoamento dessas práticas de segurança. 

  • A Segurança Privada no Brasil:

            No Brasil, a segurança privada teve origem entre as décadas de 60 e 70, durante os anos em que o país era comandado por generais do exército. Nessa época, uma boa parte das forças de segurança pública foram utilizadas para combater as ações dos grupos de oposição, então, como consequência da falta de agentes públicos de segurança, aconteceu um grande aumento no número de assaltos à mão armada nos bancos e instituições financeiras, bem como nos casos de vandalismo.

Então, como forma de diminuir esse cenário, em 1969 as autoridades consideraram necessário estabelecer diretrizes que permitissem a implantação da segurança privada no Brasil. Através da aprovação de um decreto do governo, passou a vigorar a legislação sobre a segurança privada, permitindo que os bancos conduzissem suas próprias medidas de segurança.

Desde então, essa legislação passou por mudanças que permitissem sua adaptação para acompanhar as transformações ocorridas ao longo do tempo, e a segurança privada, que antes era restrita apenas aos bancos, passou a ser mais abrangente, ganhando espaço nas operações de transporte de carga, proteção de patrimônios públicos privados (como residências e comércios) e, também, na guarda pessoal.

A Lei de número 7.102 foi promulgada em 1983 e foi um marco nessa história, pois garantiu a regulamentação das atividades das empresas de segurança privada em todo o Brasil.

Com o atual cenário do país e com o aumento dos índices de violência, a demanda pelos serviços de segurança privada tem crescido cada vez mais e o número de agentes só aumenta, ampliando essa rede de serviços que tem como objetivo garantir segurança e proteção. Quer descobrir ainda mais sobre os serviços de segurança privada que existem hoje? Então entre em contato conosco! O Grupo Centurião está pronto para ajudar!